INSTITUTO MIDIA ÉTNICA
Instituto Midia Étnica | Instituto Mídia Étnica comemora 10 anos com 12 horas de programação especial
198
single,single-post,postid-198,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,wpb-js-composer js-comp-ver-4.2.3,vc_responsive

Instituto Mídia Étnica comemora 10 anos com 12 horas de programação especial

ime10anos_logo

16 Nov Instituto Mídia Étnica comemora 10 anos com 12 horas de programação especial

Imagine unir afroempreendedores, crianças, percussão, exibições de vídeos, hackers, performances musicais, performers e um escritor conhecido internacionalmente. É o que vai acontecer na Casa do Instituto Mídia Étnica (IME), no Dois de Julho, Centro de Salvador, no sábado, 21 de novembro. A agenda de atividades é parte das comemorações do aniversário do Instituto que celebra dez anos ‘denegrindo’ a mídia, recheada de convidados durante o dia inteiro. A programação começa às 9h e se estende até às 22h. Será uma oportunidade para inaugurar de fato a sede do Instituto que já vem funcionando no espaço há alguns meses. Toda a programação é gratuita e aberta a todos os interessados.

Dentro da Programação, o etnólogo e cientista social cubano Carlos Moore fará uma noite de autógrafo da autobiografia Pichón – Minha Vida e a Revolução Cubana, recentemente lançada. O etnólogo falará sobre o processo de escrita da obra em uma sessão especial de autógrafos e dirá porque decidiu doar toda a renda da venda do livro aos projetos desenvolvido pelo Instituto Mídia Étnica. Os exemplares estarão disponíveis para compra na ocasião com preço especial.

Toda a programação começa com uma recepção para crianças, com uma manhã de programação infantil, que incluirá mostra de filmes com temática afro, jogos, contação de histórias, oficina de Stop Motion, com Jamile Coelho e Cintia Maria, da Estandarte Produções, responsáveis pelo curta-metragem feito através dessa técnica de animação, o “Órun Àiyé”, e sessão Afro Hacker. E para abrir a tarde, um cortejo acompanhado pelos tambores do bloco afro Muzenza, pelo Largo do Dois de Julho, tradicional bairro do Centro de Salvador, que reúne organizações sociais e culturais, a exemplo do Instituto Mídia Étnica. Para garantir a disposição dos presentes para toda a programação, será servida uma feijoada baiana.

A festa segue com o lançamento do escritório compartilhado Ujamaa Coworking, um espaço para reunir afroempreendedores com um modelo de trabalho que incentiva a troca de ideais, o compartilhamento, networking e colaboração entre profissionais para impulsionar o seu negócio. O lançamento do Ujamma (que na língua africana Swahili significa “economia cooperativa”) está dentro da programação da Semana Global de Empreendedorismo. Durante toda a tarde será possível conferir a produção e os serviços oferecidos por afroempreendedores da cidade, reunidos em uma feira no novo espaço.

Com uma síntese dos projetos desenvolvidos pelo Instituto Mídia Étnica na última década, será lançado um vídeo institucional #IME10anos, contando as motivações, referências, conquistas do grupo e aspirações futuras. Ainda na categoria audiovisual, a programação terá ainda uma mostra de vídeos produzidos pelo Tela Preta, coletivo de realizadores negros baianos.

À noite, além das palavras de Carlos Moore e do seu livro, a Casa proporcionará aos presentes desfrutar da música de artistas que estão movimentando o cenário soteropolitano. Em um ambiente de descontração, regado ao som das músicas autorais e releituras de cânticos sagrados em referência à natureza, a cantora Savannah Lima fará uma mostra do seu canto e talento. O encerramento da inauguração da Casa do Mídia Étnica será com um baile comandado pelas Djs do Coletivo Ovelhas Negras, que lotam pistas de festas na cidade, reforçando a identidade cultural negra e o combate a todas as formas de preconceito e opressão.

#IME10anos

O Instituto Mídia Étnica é uma organização da sociedade civil, criada em outubro de 2005, que realiza projetos para assegurar o direito humano à comunicação e o uso das ferramentas tecnológicas pelos grupos socialmente excluídos, especialmente a comunidade afro-brasileira.

Nessa década de existência, os projetos do IME foram desenvolvidos em três frentes estratégicas: Comunicação (Portal Correio Nagô, TV Correio Nagô etc), Inovação (Afro Hacker, Oguntec – esse em parceria com Instituo Steve Biko, entre outros) e Empreendedorismo (Jovens Empreendedores Culturais – JEC, Emerge Salvador, Ujamaa e mais).

Programação Aniversário Mídia Étnica

9h – Programação Infantil: Mostra de filmes, Oficina Stop Motion, Afro Hacker, jogos e Contação de Histórias

13h – Cortejo com a banda percussiva do bloco afro Muzenza

14h – Feijoada Baiana

15h – Mostra de Vídeos Tela Preta

16h – Lançamento do Projeto Emerge Salvador e do Escritório Compartilhado Ujamaa Coworking

17h30 – Performance da cantora Savannah Lima

18h30 – Lançamento do vídeo 10 anos do Instituto Mídia Étnica

19h – Noite de autógrafos com Carlos Moore

20h – Baile com as DJs Ovelhas Negras

E uma Feirinha Afroempreendedora durante à tarde*

Serviço

O que: Aniversário do Instituto Mídia Étnica

Quando: 21 de novembro, das 9h às 21h

Onde: Casa do Mídia Étnica, rua Areal de Baixo, 06, Dois de Julho

Quanto: Gratuito

No Comments

Post A Comment